O Computador Antes da Capa

By 12 de dezembro de 2019 Blog

O Computador Antes da Capa

Lápis, papel, tintas, pincel, fotografias. Tudo serve, tudo é lindo, a arte necessária, sempre. Mas precisa também do computador, de bom software, do contrário fica difícil hoje em dia fazer nascer a capa de um livro. Considerando-se que a grande maioria das editoras no mercado tem seus fluxos de criação baseados em certos programas e formatos, este não é um item secundário nas preocupações de capistas.

 Conversamos com Delfin, que na LabPub ministra o curso REAL JOB – CAPA DE LIVRO e o Design editorial – Dos fundamentos à prática, pra entender o que se usa, o que é indispensável, o que não é tão urgente para esse trabalho fascinante, que tanta diferença faz na história dos livros.

 Software

 O pacote Adobe é o básico necessário, usado pela maioria das editoras no Brasil. O básico quer dizer: Photoshop, Illustrator e InDesign. O Photoshop para tratar as imagens, o Illustrator para fazer as peças ilustradas, o InDesign para compor os elementos da capa do livro.

 “Tem gente que fecha as capas no próprio Illustrator. E tem gente que fecha até no Photoshop. Mas o InDesign é o padrão do mercado, um software de desktop publishing específico para fazer tanto miolo de livros quando revistas e capas de livro. Tem gente que usa softwares paralelos. Gente que ainda utiliza o QuarkXPress. Mas ele tem uma incompatibilidade com o pacote Adobe usado pela maioria das editoras. Há também quem use o CorelDraw, muito popular, e não tem problema nenhum! Ele gera arquivos no formato Illustrator – é um software muito interessante para quem sabe usar, que teve problemas no passado, que não apresenta mais”, explica Delfin, mostrando possibilidades e limites dos programas, de acordo com as escolhas que os profissionais fazem.

 Hardware

 Primeira pergunta que costuma surgir: precisa ser Mac? Delfin concorda que os computadores Apple têm uma vocação para as artes visuais. Mas tranquiliza os usuários em tempos de Dólar tão valorizado em relação ao Real: PCs trabalham muito bem, suficientemente bem.

 “Não precisa ser computador de última geração. Tem é que ter um mínimo de capacidade de memória, para realizar um tratamento decente de imagens e para a instalação dos programas”.

 Ano 2015 em diante é a recomendação que faz. Se for PC, que o processador seja Intel Core i3, i5 ou i7 2ª geração. E que o sistema operacional seja Windows 8 pelo menos. “Tem quem consiga trabalhar no Windows 7. Mas vale uma atenção: programas muito desatualizados podem não ser lidos por programas mais modernos”. Além disso, Delfin lembra que computadores mais antigos costumam provocar mais lentidão no processo.

 Outras dicas: Delfin alerta que o trabalho exige um nível alto de detalhamento. A tela de um notebook pode não ser suficiente, e exigir que se dê zoom frequentemente. “Fechamento de arquivos exige muita precisão. Sugiro pelo menos uma tela de 24 polegadas”. Ele também lembra da tipologia, material básico para o capista. Para quem está mais em fase de formação nesse meio, talvez não seja necessário no momento comprar fontes e sim baixar o que for possível de fontes gratuitas. “Desenhar sua tipologia também é muito legal”. Por fim, banco de imagens. No curso REAL JOB – CAPA DE LIVRO, ele vai falar mais do tema, ensinar a usar, mostrar as possibilidades. Mas já deixa escapar uma dica bacana: se você tiver intimidade com a fotografia, fazer as próprias fotos pode emprestar originalidade aos seus trabalhos.

Quem assina: Redação LabPub

Posts recentes

14 de julho de 2020 in Blog

Uma vivência chamada DESIGN THINKING

Uma vivência chamada DESIGN THINKING Daniela Senador, professora do curso que tem início em agosto na LabPub, conta como descobriu a metodologia que vem transformando também o mercado de livros…
Read More
14 de julho de 2020 in Blog

O mercado editorial para historiadores – Parte II

O mercado editorial para historiadores – Parte II Não exclusivo para formados em Letras, Editoração ou Jornalismo, o Mercado Editorial é muito comumente habitado por historiadores. Luara França e Daniel…
Read More
14 de julho de 2020 in Blog

O Lobo e o Molusco na literatura

O Lobo e o Molusco na literatura Pareceria do roteirista e editor com o autor do canal de YouTube Mundo Molusco alcançou grande sucesso no Catarse e já investe em…
Read More

Nossos cursos

13 de julho de 2020 in Cursos

Oficina de Quadrinhos – como construir uma HQ: Tema, estrutura, personagens, narrativa, produção e venda

Existindo como embriões da arte desde antes da escrita, as histórias em quadrinhos são uma forma de expressão artística que se utiliza de imagens em sequência para contar uma história.…
Read More
6 de julho de 2020 in Cursos

Produção Gráfica para Livros – T2

Mesmo com as novas possibilidades de formatos digitais para diversificar a publicação de conteúdo editorial, a publicação de livros impressos continua tão forte como nunca. Quer seja para entretenimento, estudos…
Read More
23 de junho de 2020 in Cursos

OFICINA DE POESIA: conceitos fundamentais e caminhos para sua escrita

A cada década que passa surge, aqui e ali, alguém para dizer que não há mais poesia possível nesse mundo, que poeta é coisa de antigamente, que poesia não vende……
Read More