Uma História do Feminismo

By 18 de agosto de 2020 novembro 16th, 2020 Lab+, Todos
 
 

UMA HISTÓRIA DO FEMINISMO

Este curso, coordenado por Heloisa Buarque de Hollanda
com uma série de professoras convidadas,
apresenta os momentos chave da história tendo
as mulheres como protagonistas.

Horas/Aula
16h de videoaulas
Início
06.10.2020
Modalidade
EaD ao Vivo
Dias
06, 08, 13, 15, 20, 22, 27 e 29 de Outubro
Das 19h00 às 21h10

Descrição

A história do feminismo é difícil de ser contada, pois ela é a história das vencidas; ou seja, a história que não entrou para a história. Nos últimos anos, no entanto, um esforço de pesquisadoras, ativistas e intelectuais em geral tem resultado em novas e importantes abordagens que revelam e analisam o caminho de lutas das mulheres ao longo dos séculos, colocando em cena novas perspectivas da história universal. Este curso, coordenado por Heloisa Buarque de Hollanda com uma série de professoras convidadas, apresenta os momentos chave da história tendo as mulheres como protagonistas e oferecendo um repertório crítico essencial para os debates contemporâneos e também para o ativismo.

Conteúdo

O curso, elaborado em parceria com a editora Bazar do Tempo, está dividido em 8 aulas:

  • Aula 1: O feminismo e a caça às bruxas. Século XVI e XVII.
  • Aula 2: As feministas no Iluminismo na Europa dos séculos XVIII e XIX.
  • Aula 3: Feminismo e o Capitalismo.
  • Aula 4: Imaginários e discursos sobre raça, gênero e sexualidade de povos colonizados/escravizados.
  • Aula 5: O Sufragismo e as lutas feministas.
  • Aula 6: A criação dos movimentos feministas.
  • Aula 7: Nas ondas do feminismo brasileiro.
  • Aula 8: Feminismos negros nos Estados Unidos e no Brasil.

Serão destinadas 20 vagas gratuitas para participantes da Universidade das Quebradas e do Laboratório Feminista.

Formas de pagamento

Cartão de crédito: 5 parcelas
Boleto: 3 parcelas
À vista via transferência bancária.- desconto de 10%

Certificado

Todos os participantes que assistirem 75% das aulas ao vivo ou gravadas receberão certificado.

Material de apoio

Todos os alunos poderão baixar o material usado pelos professores nas aulas.

Professoras

DANIELLE MAGALHÃES

Doutora e mestra em Teoria Literária pela UFRJ. Possui graduação (bacharelado e licenciatura) em História pela UFF. Pesquisa a poesia brasileira contemporânea produzida por mulheres, em diálogo com a filosofia e com a psicanálise. Defendeu a tese “Ir ao que queima: no verso, o amor, no verso, o horror – Ensaios sobre o verso e sobre alguma poesia brasileira contemporânea. Também tem como foco de estudo o pensamento de Jacques Derrida. Integra o Centro de Pesquisas Outrarte – psicanálise entre ciência e arte (IEL/UNICAMP) e os grupos de pesquisa FIAPO – Laboratório de Filosofia, Antropologia, Arte, Psicanálise e Política (UFF/UFRJ/CNPq), LAFITA – Laboratório Filosofias do Tempo do Agora (CNPq) e Poesia Brasileira Contemporânea (UFRJ/CNPq).

DULCI LIMA

Doutoranda em Ciências Humanas e Sociais na UFABC. Mestra em Educação, Arte e História da Cultura na Universidade Presbiteriana Mackenzie. Bacharel em História na USP. Membra do NEAB – UFABC. Pesquisadora do Centro de Pesquisa e Formação do Sesc SP.

HELOISA BUARQUE DE HOLLANDA

Professora Emérita de Teoria Crítica da Cultura da Escola de Comunicação e Coordenadora do Programa Avançado de Cultura Contemporânea da UFRJ.

Graduada em Letras Clássicas pela PUC-RJ, mestrado e doutorado em Literatura Brasileira pela UFRJ. Pós-Doutorado em Sociologia da Cultura pela Columbia University.  Coordena a Universidade das Quebradas, um projeto experimental baseado no conceito de ecologia dos saberes e o Laboratório da Palavra, espaço experimental de pesquisa, criação e produção editorial em base digital e multiplataforma e o Laboratório Mulher na Universidade, sobre a mulher e a produção de conhecimento.

Autora ou coordenadora de diversos livros, entre eles:

  • Tendências e impasses: o feminismo como crítica da cultura (Rocco, 1994)
  • Explosão feminista (Cia das Letras, 2018)
  • Pensamento feminista: conceitos fundamentais (Bazar do Tempo, 2019)
  • Pensamento feminista brasileiro: formação e contexto (Bazar do Tempo, 2019)
  • Pensamento feminista hoje: perspectivas decoloniais (Bazar do Tempo, 2020)

LÍVIA PAIVA

Doutoranda e Mestre em Direito na linha de pesquisa Direitos Humanos, Sociedade e Arte, ambos na UFRJ. Professora efetiva do Instituto Federal do Rio de Janeiro (IFRJ) nas disciplinas de Gênero e Direitos Humanos. Graduada em Direito pela UFRJ. Membro do Fórum Permanente de Direitos Humanos da EMERJ e pesquisadora do NUPEGRE (Núcleo de Pesquisa em Gênero, Raça e Etnia) na mesma instituição. Foi professora substituta na Faculdade Federal do Rio de Janeiro nas disciplinas Direitos Humanos, Teoria do Direito e Filosofia do Direito. Docente na especialização de Direito e Gênero da EMERJ (2016 a 2017). Possui curso de extensão na Université Paris VIII (2011) em cultura e organizações internacionais e Université Paris-Dauphine (2011) em literatura francesa. Desenvolve pesquisa nas áreas de direitos humanos, teoria do direito, políticas culturais e direito penal.

MARGARITA OLIVEIRA

Doutora em Economia, é Professora Adjunta do Instituto de Economia (IE) da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), nas disciplinas Economia e Feminismos e Desenvolvimento Econômico. É coordenadora de Extensão do IE/UFRJ. É coordenadora do Núcleo de Estudos e Pesquisas de Economia e Feminismos. Em 2018 criou o projeto de extensão Economia e Feminismos do qual participaram mais de 100 alunas e alunos da UFRJ e externos. A produção de conteúdo mais recente pode ser vista no canal de Youtube Economia e Feminismos UFRJ. Entre 2011 e 2014, foi pesquisadora de Pós-Doutorado e Professora de Pós-graduação na Universidad General San Martín, Buenos Aires, Argentina, no Mestrado em Desenvolvimento Econômico e no Mestrado em Cooperação Internacional. Em 2010, foi pesquisadora visitante da JNIAS Institute de la Jawaharlal Nehru University, Nova Délhi, Índia. Entre 2009 e 2010 foi Pesquisadora de Pós-Doutorado e Professora de Política Econômica na Universitá degli Studi di Pavia, Itália . Possui graduação em Economia – Universidad de Buenos Aires, Argentina (formada em 2003) e se doutorou em 2009 em Economia Política pela Università degli Studi di Roma La Sapienza, Italia. Realiza pesquisas nas áreas de Economia Feminista e de Desenvolvimento Econômico e Integração em América Latina.

MARÍA ELVIRA DÍAZ-BENÍTEZ

Professora adjunta no PPGAS/Museu Nacional/UFRJ. Possui graduação em Antropologia – Universidad Nacional de Colombia, mestrado e doutorado em Antropologia Social – Museu Nacional/UFRJ. Entre 2010 e 2013 realizou pós-doutorado no Núcleo de Estudos de Gênero PAGU da UNICAMP com bolsa da FAPESP. Tem experiência de pesquisa em antropologia urbana, relações étnico raciais, políticas da identidade, interseccionalidade, gênero, sexualidade, pornografia e mais recentemente tem se dedicado a estudos sobre desigualdades e violências de gênero, sexualidade e raça e sobre humilhação social.

É co-coordenadora do NuSEX (Núcleo de Estudos em Corpos, Gêneros e Sexualidade) do PPGAS/MN e diretora da Coleção Kalela de Antropologia da Editora Papéis Selvagens.

É autora ou coordenadora dos livros:

  • Coletânea Prazeres Dissidentes (Garamond/CLAM, 2009)
  • Nas Redes do sexo: os bastidores do pornô brasileiro (Zahar, 2010)
  • Dossiê Pornôs (Cadernos Pagu, 2012)

SCHUMA SCHUMAHER

Formada em Pedagogia, organizou o Dicionário Mulheres do Brasil, obra que reúne 270 ilustrações e 900 verbetes sobre mulheres de diversas áreas que contribuíram para a transformação social do Brasil em quinhentos anos de história. O livro faz parte da série de trabalhos pertencentes ao projeto Mulher 500 Anos Atrás dos Panos, desenvolvido pela Rede de Desenvolvimento Humano (Redeh), do qual Schuma é coordenadora-executiva.

É autora ou coautora dos livros:

  • Dicionário mulheres do Brasil: de 1500 até a atualidade (Zahar, 2000)
  • Mulheres negras do Brasil (Senac-SP, 2001)
  • Gogó de Emas: a participação das mulheres na história do Estado de Alagoas (Imprensa Oficial, 2004)
  • Mulheres no Poder- trajetórias na política a partir da luta das sufragistas (Edições de Janeiro, 2015)

BRANCA MOREIRA ALVES

Graduada em História pela Universidade da Califórnia, Berkeley. Mestrado em Ciências Políticas no Instituto Universitário de Pesquisas do Rio de Janeiro. Lecionou no Departamento de Economia da Universidade Cândido Mendes e foi pesquisadora da Fundação Getúlio Vargas.

Diretora do Cepia, uma ONG voltada para a execução de projetos que contribuam para a ampliação e efetivação dos direitos humanos e o fortalecimento da cidadania dos grupos que, na história de nosso país, vêm sendo tradicionalmente excluídos de seu exercício, como as mulheres em sua diversidade.

É autora ou coautora dos livros:

  • Ideologia e Feminismo: a luta da mulher pelo voto no Brasil (Vozes, 1980)
  • Espelho de Vênus: identidade social e sexual da mulher (Brasiliense, 1981)
  • O que é Feminismo (Brasiliense, 1985)

Imagem no topo criada pelo Freepik – (Link)

Quero saber o valor e mais informações do curso





FAÇA SUA MATRÍCULA